Tumblelog by Soup.io
Newer posts are loading.
You are at the newest post.
Click here to check if anything new just came in.
paulodavilucasmont

Fisiculturista E Modelo: Lazar Angelov (Treino, Dieta E Suplementação)

suplemento queimar gordura

O apelo é bastante atraente: eles seriam capazes favorecer a metabolização de gordura e isso aumentaria a disponibilidade de energia pra fazer exercícios. Parece a combinação perfeita. A pessoa teria mais aplicação pra treinar e queimaria mais gordura. Com essa alegação, o suplemento vitória até hoje a admiração de quem deseja definir a musculatura ou acelerar a queima de gordura.


Mas, não há evidência científica que sustente cada um destes benefícios. Creatina: aliada ou vilã? O mito surgiu a partir de pesquisas ligadas à falta de carnitina no organismo. Foi verificado que a inexistência da substância favorecia o acúmulo de gordura. Diante disso, os educadores físicos imaginaram que o oposto iria colaborar a queima de gordura.


Quer dizer, se inexistência de carnitina aumenta a gordura, o inverso aconteceria se o corpo passasse a ganhar carnitina. Parece um raciocínio coerente, porém inúmeras pesquisas realizadas com usuários de L-carnitina demonstraram que esta lógica não se sustenta. O fator limitante alimentos para emagrecer rápido redução de peso corporal não é a disponibilidade de L-carnitina, uma vez que o corpo imediatamente produz grandes quantidades deste composto. O fator limitante é uma molécula chamada coenzima A (CoA), que controla o quanto de gordura está acessível como fonte de energia", anuncia o nutricionista Humberto Nicastro, pesquisador da Universidade de Educação Física e Esporta da USP.


  • Previne contra acnes e cravos
  • Acrescente 1 ou 2 xícaras de caldo de frango e pimenta vermelha picadinha a teu gosto
  • Lanche da manhã: 1 iogurte de fruta light
  • Corta a ação dos radicais livres
  • Fala Brasil
  • Creme de leite

Em termos numéricos, o organismo humano mostra em torno de 1000 moléculas de carnitina para cada molécula de CoA", compara o especialista. A enorme maioria dos estudos não comprova a ligação entre L-carnitina e queima acentuada de gordura. Só um serviço publicado esse ano sugere outro resultado", indica o educador físico Antonio Herbert Lancha Jr, especialista em nutrição esportiva e professor da USP. No estudo, conta o professor, indivíduos consumiram carnitina combinada com 640 kcal de carboidrato na forma de glicose. A combinação demonstrou economia de carboidrato com maior tempo de exercício. Isto sinaliza maior queima de gordura, de acordo com os pesquisadores da Escola de Nottingham, autores do estudo.


Contudo, o indivíduo ter de fazer restrição calórica pelo consumo adicional de carboidrato", pondera Lancha Jr. O maior proveito foi percebido no funcionamento das pessoas. Se chegou até nesse lugar é pelo motivo de se interessou sobre o que escrevi por este artigo, direito? Pra saber mais sugestões sobre o assunto, recomendo um dos melhores blogs sobre o assunto este cenário trata-se da referência principal no conteúdo, encontre neste local acesse aqui. Caso necessite pode entrar em contato diretamente com eles na página de contato, telefone ou email e saber mais. A suplementação foi apto de eliminar a criação de lactato, o que pode estar relativo com a fadiga muscular, e poupar os estoques de glicogênio muscular, o carboidrato armazenado no músculo", observa Nicastro. Outro pretexto referente ao uso de L-carnitina é que o suplemento seria capaz de substituir os níveis de colesterol, aumentando o bom (HDL) e reduzindo o péssimo (LDL).


A elevação do HDL está mais relacionada à prática regular de exercícios aeróbicos (caminhada, corrida, natação, etc.). Não temos ainda estudos confiáveis sobre isto este suposto efeito da L-carnitina", argumenta Jomar Souza, especialista em medicina do exercício e diretor da Sociedade Brasileira de Medicina do Exercício e do Esporte. O proveito do suplemento para regular os índices de colesterol seria indireto, se a evidência do estudo inglês for verificada em novas pesquisas.


No caso do desempenho de exercícios de alta intensidade e curta duração (anaeróbio, como a musculação), a L-carnitina poderá favorecer a partir da preservação do glicogênio muscular (carboidrato armazenado no massa muscular) e um possível retardo na fadiga", destaca Nicastro. Quer dizer, o usuário do suplemento teria mais insistência pra se exercitar, apesar de que sejam os exercícios aeróbios mais eficazes para influenciar os níveis de colesterol. A nutricionista Rafaella Kamantschek, da Liga Brasileira de Nutrição Esportiva, reforça a alegação. Essa nova evidência do estudo inglês reforça alguns indícios de que o potencial da L-carnitina esteja referente à musculação, ao invés de atividades aeróbias. O maior privilégio ocorreria em exercícios de alta intensidade, como a musculação", detalha Souza.


Isso derruba a expectativa de muitos alunos acima do peso, que buscam pela L-carnitina uma maneira de turbinar os efeitos de corridas em esteiras ou bicicletas ergométricas. Ademais, o suplemento pode Acesse Aqui ser mais produtivo em homens do que em mulheres. Se houver alguma influência na massa muscular, ela será mais evidente nos homens pelo efeito conjugado da maior quantidade de testosterona em conexão às mulheres", avalia o médico. Mas, isso é ainda uma conjectura. A fórmula mágica continua não existindo. Quer perder peso ou receber músculos? O jeito é suar a camisa.

Don't be the product, buy the product!

Schweinderl